Quarta-Feira, 10 de Dezembro de 2014

Página Inicial>Política & Economia

Beto Richa autoriza ‘pedágio mais caro do mundo’ em rodovia do Paraná

Uma “ingênua” descida de 100 km até às praias paranaenses pela a BR-277, ida e volta de Curitiba, custará R$ 33,60 ao usuário da estrada.

Publicada: 28/11/2014 - 22h02m|Fonte: Blog do Ismael|Versão para impressão|

  • A tarifa praticada no trecho é de R$ 15,40 já ostentava o “título” de mais cara da América Latina.
  • A tarifa praticada no trecho é de R$ 15,40 já ostentava o “título” de mais cara da América Latina.
O governador Beto Richa (PSDB) autorizou para a próxima segunda-feira (1) o pedágio mais caro do mundo na BR-277. Os motoristas de carro de passeio serão tungados em R$ 16,80 ao cruzarem a praça de pedágio localizada no município de São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba, caminho obrigatório para descer a Serra do Mar rumo ao Litoral.

A tarifa praticada no trecho é de R$ 15,40 já ostentava o “título” de mais cara da América Latina. Agora, com o reajuste aprovado pelo governo de 9%, a rodovia federal delegada ao governo do Paraná em 1998, que a privatizou às atuais concessionárias, fica com o “troféu” de mais cara do mundo.

Uma “ingênua” descida de 100 km até às praias paranaenses pela a BR-277, ida e volta de Curitiba, custará R$ 33,60 ao usuário da estrada.

Na campanha deste ano pelo Palácio Iguaçu, a senadora Gleisi Hoffmann (PT) acusou o adversário Beto Richa de querer prorrogar os contratos com as concessionárias do pedágio por mais 25 anos, mas a presidenta Dilma Rousseff (PT) teria dito “não” ao tucano.

Comentários dos leitores

Confira abaixo os comentários realizados pelos nossos leitores.

 
Siha nos no Twitter

Recomendações Facebook